Translate

Bem-vindo ao Blog do Livro

Este blog fala sobre a Língua Portuguesa e livros. Espero que goste, não esqueça de me seguir pelo twitter: @BLivro.
Você também pode curtir a página do blog no facebook : Blog do livro (www.facebook.com/pages/Blog-do-Livro/276116405825912)
Não deixe de colocar a sua opinião, comente!

Pesquisar este blog

Total de visualizações de página

quinta-feira, 24 de maio de 2012

Os Sinais de Pontuação: A Origem

De acordo com uma edição da revista Superinteressante do mês de junho, ano 1997; o linguista Flávio Di Giorg conta que até o séc. IV, os textos eram escritos sem pontuação, as mensagens ou textos escritos tinham que ser interpretados por quem os lia.
Está vendo!Por isso os sinais de pontuação são importantes. Sem eles ninguém entende nada, ou entende errado.
Mas... E aí? ficou curioso para saber quando os sinais de pontuação surgiram? Vou dizer.
 Os primeiros sinais surgiram no Império Bizantino, o ponto já era usado no antigo Egito, suas funções eram diferentes.  Os espaços em branco só apareceram no séc. VII, na Europa, quando o ponto passou a finalizar as frases.
Os gráficos italianos inventaram o ponto-e-vírgula e a vírgula, no séc. XV. Os dois-pontos surgiram no séc. XVI. O mais tardio foi a aspa que surgiu no séc. XVII.
O período em que as primeiras vírgulas, pontos de interrogação e dois-pontos surgiram coincide com o momento em que o hábito de ler, praticamente restrito aos monges na Idade Média, crescia com o surgimento da impressão tipográfica. A impressão tipográfica também exigiu que houvesse a padronização e simplificação dos sinais.
Nesta pequena série de postagens estarei postando as funções dos sinais de pontuação. Aguarde até a continuação...


3000 a.C.
Ponto Final (.)
Século XIV
Interrogação (?) / Exclamação (!)
Século XV
Vírgula (,) / Ponto e Vírgula (;)
Século XVI
Dois Pontos (:)
Século XVII
Aspas (“”)

2 comentários:

  1. Estou rediginfo um livro sobre a PONTUAÇÃO. Sou Filólogo e Onomástico.Tudo do assunto me interessa,incluindo sobre as traduções da Bíblia.

    ResponderExcluir
  2. Como sou estudioso profundo de Português e me interesso também pel a linguagem em geral, esta máteria é muito importante para mim!

    ResponderExcluir