Translate

Bem-vindo ao Blog do Livro

Este blog fala sobre a Língua Portuguesa e livros. Espero que goste, não esqueça de me seguir pelo twitter: @BLivro.
Você também pode curtir a página do blog no facebook : Blog do livro (www.facebook.com/pages/Blog-do-Livro/276116405825912)
Não deixe de colocar a sua opinião, comente!

Pesquisar este blog

Total de visualizações de página

quinta-feira, 14 de junho de 2012

O Surgimento da Imprensa



A imprensa escrita teve seu início na Itália no século XVI. Nesse período, começaram a circular as folhas volantes, anunciando grandes eventos. Na Alemanha e na Holanda, por exemplo, já existiam publicações com periodicidade mais ou menos regular. Na Inglaterra do século XVII também surgiram folhas de notícias denominadas coranto.
O conteúdo dessas folhas, no entanto, tratava do movimento do mercado financeiro, algumas impressas pelos próprios banqueiros. Só a partir dos séculos XVIII e XIX é que a imprensa passa a ser um meio de exposição de idéias, pontos de vista e opiniões. Intelectuais renomados deixam de lado a prosa dos salões para se dedicar ao texto combativo e militante das redações de jornal. Estes, por sua vez, já estavam remunerando o trabalho escrito.

A imprensa no Brasil
O dois principais periódicos que surgiram em 1808 no Brasil foram os jornais "O Correio Braziliense" e "A Gazeta do Rio de Janeiro". Levaram para as suas redações os melhores escritores da época, como já acontecia na Europa.
No início, os textos apresentavam um estilo literário, mas depois foram mudando, adquirindo formato próprio, com ênfase nas grandes reportagens, seguindo o modelo americano de escrever para jornais.
A influência do jornalismo norte-americano, aliás, ainda é muito marcante na imprensa brasileira. Um exemplo dessa influência são as chamadas revistas semanais, "Veja", "Isto é", "Época", que copiam a bem-sucedida "Time". Elas têm em comum fazerem uma análise mais aprofundada dos fatos ocorridos e publicados durante a semana.

A imprensa na atualidade
A mídia do mundo moderno é movimentada por bem mais do que a imprensa escrita. O rádio, inventado em fins do século XIX, passa a fazer parte da vida das pessoas na primeira metade do século XX, mais precisamente década de 20, e por volta da década de 50, a televisão.
O rádio foi caracterizado pelo imediatismo da informação e a TV pela presença da imagem na notícia. Tanto um veículo quanto outro causaram, a seu modo, grande impacto e sentimento de inovação. E cada um trouxe sua maneira peculiar de envolvimento com o público em geral: um tempo próprio.
Toda mídia tem essa marca essencial de demarcar seu tempo. Hoje em dia, a internet é a mídia mais veloz de que dispomos e a que apresenta, naturalmente, maior interatividade: emissor e receptor se comunicando em tempo real.
Após conhecer o rádio, o mundo conheceu o rádio, jamais poderia imaginar que logo depois seria possível a idéia da televisão. E nós, agora, que conhecemos a internet, sabemos que podemos esperar, daqui por diante, muitas novidades.


OBS: Isso foi retirado do site: http://www.portalescolar.net/

Nenhum comentário:

Postar um comentário