Translate

Bem-vindo ao Blog do Livro

Este blog fala sobre a Língua Portuguesa e livros. Espero que goste, não esqueça de me seguir pelo twitter: @BLivro.
Você também pode curtir a página do blog no facebook : Blog do livro (www.facebook.com/pages/Blog-do-Livro/276116405825912)
Não deixe de colocar a sua opinião, comente!

Pesquisar este blog

Total de visualizações de página

quinta-feira, 19 de julho de 2012

Quantas palavras existem na Língua Portuguesa?

Você é capaz de dizer exatamente quantas palavras existem na Língua Portuguesa? Provavelmente não, pois todos os dias são criadas novas palavras e esses novos vocábulos vão sendo incorporados às novas edições dos dicionários. Além disso, não se pode calcular quando se cria uma palavra. Outro problema é que ao mesmo tempo em que várias palavras surgem todos os dias, muitas delas também deixam de existir logo em seguida. Para que uma palavra sobreviva, é preciso que ela entre para o vocabulário de outras pessoas.
Léxico é o conjunto de lexemas de uma língua, ou simplesmente as palavras, o nosso vocabulário. O léxico da língua portuguesa é bastante extenso, mas utilizamos pouquíssimas palavras no nosso dia- a- dia.  No dicionário Aurélio Online estão catalogados 435.000 verbetes (“verbetes” são as palavras com seus significados no dicionário). Mas segundo o CDIC, o Vocabulário Ortográfico da Língua Portuguesa, registra 356.000 verbetes. Se levarmos em consideração as palavras técnicas e científicas, devem existir cerca de 600 mil palavras na língua portuguesa, conjugações verbais e plurais não entram nessa conta, só é considerada a forma infinitiva.
Mas você sabe qual é a maior palavra da língua portuguesa? A maior palavra da língua portuguesa, registada num dicionário, é pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico, com 46 letras, e significa uma doença pulmonar causada pela inspiração de cinzas vulcânicas. A palavra de 29 letras anticonstitucionalissimamente é considerada a maior palavra portuguesa não técnica, e descreve algo que é efetuado de maneira muito anticonstitucional, ou seja, que é oposto à constituição.

As maiores palavras da língua portuguesa, segundo o site: www.mdig.com.br, são:

  1. Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiótico (46 letras): Relativo a uma doença pulmonar aguda causada pela aspiração de cinzas vulcânicas, chamada pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose ou pneumoconiose.
  2. Pneumoultramicroscopicossilicovulcanoconiose (44 letras): é nome da doença cuja palavra para o portador ocupa o primeiro.
  3. Paraclorobenzilpirrolidinonetilbenzimidazol (43 letras): Substância presente em medicamentos como o Ultraproct.
  4. Piperidinoetoxicarbometoxibenzofenona (37 letras): Substância presente em medicamentos como o Baralgin.
  5. Tetrabrometacresolsulfonoftaleína (35 letras): Termo específico da área de química.
  6. Dimetilaminofenildimetilpirazolona (34 letras): Substância ativa em vários comprimidos para dor de cabeça.
  7. Hipopotomonstrosesquipedaliofobia (33 letras): Doença psicológica que se caracteriza pela fobia de pronunciar palavras grandes ou complicadas (redundância).
  8. Monosialotetraesosilgangliosideo (32 letras): Substância presente em medicamentos como o sinaxial e o sygen.
  9. Anticonstitucionalissimamente (29 letras): Maior advérbio da língua portuguesa significa o mais alto grau de inconstitucionalidade.
  10. Oftalmotorrinolaringologista (28 letras): Profissional especializado nas doenças dos olhos, ouvidos, nariz e garganta.
  11. Inconstitucionalissimamente (27 letras): Sinônimo de anticonstitucionalissimamente.
Termos técnicos científicos podem ter centenas de milhares de caracteres de comprimento. Nesse contexto, a maior palavra do mundo, e também da nossa língua, seria o nome químico para a proteína conhecida como Titina, que contém 189819 letras e demoraria cerca de 15 à 20 horas para ser totalmente pronunciada em velocidade normal. Por ser uma palavra científica, não é introduzida em dicionários e por isso o título de "maior palavra" é dado a nomes comuns grandes.
Nomes próprios, como de organizações e lugares, tradicionalmente não são considerados para listas das maiores palavras.

            http://fernandajimenez.com
            http://revistaescola.abril.com.br

Nenhum comentário:

Postar um comentário